Monthly Archives: agosto 2012

As seis circunstancia que nos atrapalham de orar

1 Timóteo 2.1-3 Antes de tudo, pois, exorto que se use a prática de súplicas, orações, intercessões, ações de graças, em favor de todos os homens, em favor dos reis e de todos os que se acham investidos de autoridade, para que vivamos vida tranquila e mansa, com toda piedade e respeito.

Isto é bom e aceitável diante de Deus, nosso Salvador.

8 passos para o cristão não abandonar a fé

“Não abandoneis, portanto, a vossa confiança; ela tem grande galardão.” Hebreus 10:35

 

Manter contato com a bíblia todos os dias

Quando lemos a bíblia Deus fala conosco.

Quando examinamos a bíblia vamos conhecendo que ela é uma palavra fiel e verdadeira.

Salmos 119:160 A tua palavra é a verdade desde o princípio, e cada um dos teus juízos dura para sempre.

Quem despreza a bíblia não alcança a sabedoria de Deus, nem os seus conselhos e nem os seus caminhos.

Provérbios 13:13 O que despreza a palavra perecerá, mas o que teme o mandamento será galardoado.

O fato importante que temos em analisarmos a palavra, é descobrirmos nela as grandezas de Deus e seus feitos, especialmente na manifestação de Jesus Cristo vindo a este mundo para nos salvar; foi isto que levou os de Bereia a examinarem a palavra cada dia, para terem a certeza dos fatos que ouviam.

Atos 17:11 Ora estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim.

Colossenses 3:16 A palavra de Cristo habite em vós abundantemente, em toda a sabedoria, ensinando-vos e admoestando-vos uns aos outros, com salmos, hinos e cânticos espirituais; cantando ao Senhor com graça em vosso coração.

2 Timóteo 2:15 Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.

Apenas o conhecimento da palavra não nos faz um cristão, mas sim quando a palavra habita em nossos corações, e praticamos o que ela nos instrui e corrige a fim de sermos obreiros que não temos com que nos envergonharmos.

 
Orar sem cessar

Quando oramos nós falamos com Deus.

Oração é uma aproximação da pessoa a Deus por meio de palavras ou do pensamento, em particular ou em público.

O exemplo de Cristo – Mateus 14:23 E, despedida a multidão, subiu ao monte para orar à parte. E, chegada já a tarde, estava ali só.

Lucas 9:28 E aconteceu que, quase oito dias depois destas palavras, tomou consigo a Pedro, a João e a Tiago, e subiu ao monte a orar.

Exemplo dos apóstolos – Atos 10:9 E no dia seguinte indo eles seu caminho, e estando já perto da cidade subiu Pedro ao terraço para orar, quase à hora sexta.

Colossenses 1:9 Por esta razão, nós também, desde o dia em que o ouvimos, não cessamos de orar por vós, e de pedir que sejais cheios do conhecimento da sua vontade, em toda a sabedoria e inteligência espiritual.

É através da oração que vencemos o inimigo e alcançamos a vitória, mas infelizmente os cristãos não interessam muito nas orações, pois é isso que o nosso inimigo quer, que o cristão não ore, porque se o cristão orar ele mantém a comunhão com o Senhor, e o inimigo perde o poder em nossas vidas.

Não há vitória sem lutas, vamos combater o inimigo através de nossas orações, e sermos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou e a si mesmo se entregou por nós.

 
Fazer a vontade do Senhor- É renunciar a si mesmo e colocar-se a disposição do Senhor.

Salmos 40:8 Deleito-me em fazer a tua vontade, ó Deus meu; sim, a tua lei está dentro do meu coração.

Romanos 12:2 E não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.

Efésios 6:6 Não servindo à vista, como para agradar aos homens, mas como servos de Cristo, fazendo de coração a vontade de Deus;

Efésios 6:7 Servindo de boa vontade como ao Senhor, e não como aos homens.
Fugir do mal – É qualquer coisa que não está em harmonia com a ordem divina; aquilo que é moralmente errado; aquilo que prejudica ou fere a vida e a felicidade; aquilo que cria desordem no mundo

Salmos 34:14 Aparta-te do mal e pratica o que é bom; procura a paz e empenha-te por alcançá-la.

Provérbios 3:7 Não sejas sábio aos teus próprios olhos; teme ao SENHOR e aparta-te do mal.

Provérbios 16:6 Pela misericórdia e pela verdade, se expia a culpa; e pelo temor do SENHOR os homens evitam o mal.

Provérbios 16:17 O caminho dos retos é desviar-se do mal; o que guarda o seu caminho preserva a sua alma.

1 Ts 5:22 abstende-vos de toda forma de mal.

3 João 1:11 Amado, não imites o que é mau, senão o que é bom. Aquele que pratica o bem procede de Deus; aquele que pratica o mal jamais viu a Deus.

Antes de uma pessoa conhecer a Cristo ela vive na pratica do mal, pois não tem o temor de Deus para evitar o mal, mas quando uma pessoa conheceu a Cristo, ela passa a odiar o mal e fugir dele, porque teme a Deus.

Se cremos em Cristo como nosso Senhor e Salvador, devemos fugir até daquilo que da uma aparência de mal, para que não seja manchado o nosso testemunho de Cristão.

 
Obedecer a Deus e a sua palavra

Atos 5:29 Então, Pedro e os demais apóstolos afirmaram: Antes, importa obedecer a Deus do que aos homens.

1 Pedro 1:14 Como filhos da obediência, não vos amoldeis às paixões que tínheis anteriormente na vossa ignorância.

Romanos 6:17 Mas graças a Deus porque, outrora, escravos do pecado, contudo, viestes a obedecer de coração à forma de doutrina a que fostes entregues.

João 14:23 Respondeu Jesus: Se alguém me ama, guardará a minha palavra; e meu Pai o amará, e viremos para ele e faremos nele morada.

João 14:24 Quem não me ama não guarda as minhas palavras; e a palavra que estais ouvindo não é minha, mas do Pai, que me enviou.

Tiago 1:22 E sede cumpridores da palavra, e não somente ouvintes, enganando-vos com falsos discursos.

Tiago 1:23 Porque, se alguém é ouvinte da palavra, e não cumpridor, é semelhante ao varão que contempla ao espelho o seu rosto natural.

1 João 2:3-6 Ora, sabemos que o temos conhecido por isto: se guardamos os seus mandamentos.

Aquele que diz: Eu o conheço e não guarda os seus mandamentos é mentiroso, e nele não está a verdade.

Aquele, entretanto, que guarda a sua palavra, nele, verdadeiramente, tem sido aperfeiçoado o amor de Deus. Nisto sabemos que estamos nele:

aquele que diz que permanece nele, esse deve também andar assim como ele andou.

 
Não andar na companhia dos incrédulos e nem nos seus caminhos.

Salmos 1:1 Bem-aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios, não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.

Provérbios 1:10 Filho meu, se os pecadores querem seduzir-te, não o consintas.

Amós 3:3 Andarão dois juntos, se não houver entre eles acordo?

Quando começamos andar na companhia dos incrédulos o prejuízo é certo.

Nossos pensamentos, caminhos, e conversas são diferentes, mas no passar dos dias começaremos a imita-los, temos o exemplo de Pedro que quando juntou com os escarnecedores começou a blasfemar do Senhor.

Devemos andar na companhia do Senhor e nos seus caminhos onde há plenitude de alegria e satisfação.

Salmos 16:11 Tu me farás ver os caminhos da vida; na tua presença há plenitude de alegria, na tua destra, delícias perpetuamente.

 
Não abandonar o primeiro amor

Apocalipse 24:4,5 Tenho, porém, contra ti que abandonaste o teu primeiro amor.

Lembra-te, pois, de onde caíste, arrepende-te e volta à prática das primeiras obras; e, se não, venho a ti e moverei do seu lugar o teu candeeiro, caso não te arrependas.

A igreja em Éfeso mantinha aparência de uma igreja fervorosa, tinha trabalhos, perseveravam, colocavam a prova os que diziam ser apóstolos e não eram.

A igreja em Éfeso tinha tudo isso e o Senhor disse que faltava o primeiro amor.

Os cristãos de Éfeso tinham perdido a prática do amor a Cristo e as pessoas.

Perderam o entusiasmo dos primeiros tempos da conversão, como no início da igreja em Atos 2:42-47

E perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão, no partir do pão e nas orações.

Em cada alma havia temor; e muitos prodígios e sinais eram feitos por intermédio dos apóstolos.

Todos os que creram estavam juntos e tinham tudo em comum.

Vendiam as suas propriedades e bens, distribuindo o produto entre todos, à medida que alguém tinha necessidade.

Diariamente perseveravam unânimes no templo, partiam pão de casa em casa e tomavam as suas refeições com alegria e singeleza de coração,

louvando a Deus e contando com a simpatia de todo o povo. Enquanto isso, acrescentava-lhes o Senhor, dia a dia, os que iam sendo salvos.

O apóstolo Paulo já havia alertado através dos ensinos que escreveu para essa igreja, com respeito ao amor.

Efésios3:17 a 4:3 assim, habite Cristo no vosso coração, pela fé, estando vós arraigados e alicerçados em amor,

a fim de poderdes compreender, com todos os santos, qual é a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade

e conhecer o amor de Cristo, que excede todo entendimento, para que sejais tomados de toda a plenitude de Deus.

Ora, àquele que é poderoso para fazer infinitamente mais do que tudo quanto pedimos ou pensamos, conforme o seu poder que opera em nós,

a ele seja a glória, na igreja e em Cristo Jesus, por todas as gerações, para todo o sempre. Amém!

Rogo-vos, pois, eu, o prisioneiro no Senhor, que andeis de modo digno da vocação a que fostes chamados,

com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor,

esforçando-vos diligentemente por preservar a unidade do Espírito no vínculo da paz

Somente com a prática do amor em servir a Cristo, proclamar o nome Dele, e amar uns aos outros de verdade, não só de palavras, e assim agradaremos ao Senhor.

Será que é só a igreja em Éfeso que perdeu o primeiro amor?

Não! Hoje também os cristãos estão perdendo o seu entusiasmo, já não é como no tempo em converteram a Cristo.

Não incomodam em estar nas reuniões da igreja para o estudo da palavra e oração, só vão aos domingos quando da certo.

É tempo de verificar nossas vidas com Deus, pois estamos caminhando para o fim dessa dispensação, e o mundo entrará em juízo; e nós estamos conformando com ele abandonando aquilo que é de Deus.

 
Andar como filho da luz

O cristão não pode andar nas trevas porque tem a luz, que é Cristo o qual resplandeceu em nossos corações.

Este é o motivo que devemos viver como filhos da luz como disse Paulo em Efésios 5:3-11 Mas a prostituição e toda impureza ou avareza nem ainda se nomeiem entre vós, como convém a santos; nem torpezas, nem parvoíces, nem chocarrices, que não convêm; mas, antes, ações de graças.

Porque bem sabeis isto: que nenhum fornicador, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no Reino de Cristo e de Deus.

Ninguém vos engane com palavras vãs; porque por essas coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência.

Portanto, não sejais seus companheiros.

Porque, noutro tempo, éreis trevas, mas, agora, sois luz no Senhor; andai como filhos da luz (porque o fruto do Espírito está em toda bondade, e justiça, e verdade), aprovando o que é agradável ao Senhor.

E não comuniqueis com as obras infrutuosas das trevas, mas, antes, condenai-as.

Como é triste ver pessoas falando ser cristão e praticarem prostituição, homosexualismo, palavras sujas imorais, mentira, roubo, egoísmo; são obras das trevas e não da luz.

Romanos 13:11-14 E isto digo, conhecendo o tempo, que é já hora de despertarmos do sono; porque a nossa salvação está, agora, mais perto de nós do que quando aceitamos a fé. A noite é passada, e o dia é chegado. Rejeitemos, pois, as obras das trevas e vistamo-nos das armas da luz. Andemos honestamente, como de dia, não em glutonarias, nem em bebedeiras, nem em desonestidades, nem em dissoluções, nem em contendas e inveja. Mas revesti-vos do Senhor Jesus Cristo e não tenhais cuidado da carne em suas concupiscências.

 
Não deixar de ir às reuniões

Hebreus 10:25 Não deixemos de congregar-nos, como é costume de alguns; antes, façamos admoestações e tanto mais quanto vedes que o Dia se aproxima.

Pois a vontade de Deus é que seu povo esteja reunido; quando estamos reunidos o Senhor está no meio. Mateus 18:20 Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, ali estou no meio deles.

O salmista pode reconhecer quão importante era estar no templo do Senhor para contemplar as suas maravilhas; assim deveria também os cristãos estarem sempre reunidos para receber a benção do Senhor.

Salmos 65:4 Bem-aventurado aquele a quem escolhes e aproximas de ti, para que assista nos teus átrios; ficaremos satisfeitos com a bondade de tua casa—o teu santo templo.

Salmos 84:2 A minha alma suspira e desfalece pelos átrios do SENHOR; o meu coração e a minha carne exultam pelo Deus vivo!

Salmos 84:10 Pois um dia nos teus átrios vale mais que mil; prefiro estar à porta da casa do meu Deus, a permanecer nas tendas da perversidade.

Salmos 92:13 Plantados na Casa do SENHOR, florescerão nos átrios do nosso Deus.

Salmos 96:8 Tributai ao SENHOR a glória devida ao seu nome; trazei oferendas e entrai nos seus átrios.

Salmos 100:4 Entrai por suas portas com ações de graças e nos seus átrios, com hinos de louvor; rendei-lhe graças e bendizei-lhe o nome.

Quão bom seria se todos os cristãos se reunissem, assim teríamos ótimas reuniões, e os descrentes seriam atraídos para as reuniões; mas infelizmente há muito desinteresse da parte dos cristãos.

Qualquer esforço que fizermos para estarmos nas reuniões não é nada em relação ao que o Senhor fez por nós, devemos ser gratos ao nosso Senhor e devemos servi-lo da melhor maneira possível.

Hebreus 10:35 Não abandoneis, portanto, a vossa confiança; ela tem grande galardão.

1 corintios 15:58 Portanto, meus amados irmãos, sede firmes, inabaláveis e sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que, no Senhor, o vosso trabalho não é vão.

Antonio Trinck Sobrinho

Nota: As palavras grifadas nos versículos são nossas, apenas para intensificar o assunto.

“De fato sem fé é impossível agradar a Deus” (Hb 11:6)
“Mas a palavra que ouviram não lhes aproveitou, visto não ter sido acompanhada pela fé, naqueles que a ouviram.” (Hb 4:2)

Estes dois versículos juntos no mostram como é vã toda a atividade religiosa onde não há fé. A atividade exterior deve ser realizada correta e diligentemente, mas a menos que a fé esteja em operação, Deus não é honrado e a alma não é